Ginasta, que treina com a seleção no Rio até o dia 20, ainda disputará a Swiss Cup, etapa da Copa do Mundo, e uma prova em Stuttgart (ALE) antes do merecido descanso                                                                                                                                                      

 

Arthur: atleta do ano pela Sport Life, com o medalhista Esquiva Falcão

Arthur: atleta do ano pela Sport Life, com o medalhista Esquiva Falcão

São Caetano do Sul – Arthur Zanetti, o primeiro campeão olímpico da ginástica artística do Brasil – ouro nas argolas nos Jogos de Londres -, terá de esperar um pouco mais pelas sonhadas férias. Três competições separam o ginasta do descanso, após a desgastante temporada de 2012. A pausa na dura rotina de preparação só será possível em dezembro, para as festas de fim de ano e mais um período, que será definido com o técnico Marcos Goto. Por ora, Arthur, ginasta da SERC (Sociedade Esportiva Recreativa e Cultural), em São Caetano do Sul, está no Rio de Janeiro, onde vai permanecer com a seleção brasileira até o dia 20, no Centro de Treinamento de Ginástica (Velódromo).

A seleção já treina de olho em 2016. Arthur também visa ao pódio nos Jogos do Rio, mas, para ele, a preparação servirá também para os próximos desafios que ainda vai enfrentar. Arthur disputa a Swiss Cup, em Zurique, na Hallenstadion Arena, dia 4 de novembro, competição em duplas, com dez países convidados, entre eles o Brasil. Vai aproveitar a passagem pela Suíça, entre 30 de outubro e 4 de novembro, para participar também do torneio Arthur Gander Memorial Cup (compete nas argolas, salto, solo e paralelas), no dia 31.\

Em novembro (dias 23 e 24), Arthur Zanetti disputa a etapa da Copa do Mundo de Ostrava, na República Checa, com o objetivo de fechar o ano na liderança do ranking mundial nas argolas. Arthur é o líder, com 115 pontos, à frente do grego Eleftherios Petrounias (110 pontos) e do holandês Iury van Gelder (72), consideradas seis das sete competições que contam pontos. A Fig Art Challenge Cup, em Ostrava, é a última a somar pontos para o ranking. Em dezembro, antes de parar para as merecidas férias, Arthur ainda faz uma competição em Stuttgart, na Alemanha.

Será a primeira vez que Arthur aparece numa competição internacional na condição de campeão olímpico. “É maravilhoso, bom demais, dá moral para a ginástica brasileira. A Swiss Cup é para duplas mistas – não sei ainda quem será a minha parceira -, só para convidados. É a primeira vez que vou participar, mas é uma competição mais descontraída, com bastante público – é mais um show do que uma disputa. Vai ser bem legal porque dá para os ginastas curtirem também”, afirmou o paulista Arthur, de 22 anos, que escolheu salto, solo e argolas para sua apresentação – dois aparelhos nas eliminatórias e, se passar, um na final (vai depender da soma das notas da dupla).

“É uma competição por convite, com dez atletas no feminino e dez no masculino do mundo todo. É diferente, sem muita cobrança, mas muito tradicional na Suíça, as pessoas conhecem. O reconhecimento é importante nesse caso porque o convite é feito para os melhores do mundo, medalhistas em Olimpíadas e Mundiais”, acentua o técnico Marcos Goto, da SERC e da seleção brasileira, que está com o ginasta há 14 anos.

Na República Checa o objetivo de Arthur será defender sua posição de número um do ranking nas argolas. Já Stuttgart, competição por equipes, também para convidados, servirá para mesclar atletas jovens e experientes, visando ao novo ciclo olímpico. “Esses convites são bons para a ginástica do Brasil. Existe um reconhecimento entre os países convidados”, disse Arthur.

Agenda lotada

Além dos treinos, duas vezes por dia, cerca de cinco horas diárias, as aulas de inglês e o curso de Educação Física, Arthur tem de conciliar uma agenda de mídia intensa, homenagens e eventos. Foi eleito o melhor atleta do ano pela revista Sport Life, prêmio que recebeu no dia 2 de outubro, no Centro de Cultura Judaica, em São Paulo, e participou da entrega dos prêmios VMB da MTV e Meus Prêmios Nick, da Nickelodeon (o programa vai ao ar no dia 18). “É uma correria, mas é legal porque é um reconhecimento a tudo o que venho fazendo.”

Arthur vai dar uma pausa nos treinos da seleção para participar do I Curso Integrado Arthur Zanetti, nesta quinta-feira (11/10), a partir das 8 horas, no Campus II da USCS (Rua Santo Antônio, 50 – Centro, São Caetano do Sul / SP). Vai abordar o tema A Importância da Equipe Multidisciplinar na ginástica, num programa que terá a participação de todos os profissionais (médica, nutricionista, psicóloga, fisioterapeuta) e o técnico Marcos Goto que se envolveram na sua preparação olímpica, além de Keith Russel, representante da Federação Internacional de Ginástica (FIG).

Arthur Zanetti é atleta da SERC e tem patrocínio de CAIXA e Sadia.