O campeão olímpico e mundial está entre os atletas brasileiros que têm direito ao benefício do programa do Ministério do Esporte, um incentivo para a busca por medalhas nos Jogos Olímpicos do Rio/2016

Os ginastas Sérgio Sasaki, Diego Hypólito e Arthur Zanetti, Celso Jatene, secretário de Esportes de São Paulo, Aldo Rebelo, ministro do Esporte, Ricardo Leyser, secretário de Alto Rendimento, Luciene Resende, presidente da CBG, Gilmar Tadeu, secretário de São Caetano, e Sérgio Luis Sacramin, da CAIXA.

O campeão olímpico e mundial Arthur Zanetti está entre os ginastas que passam a integrar o programa de incentivo que visa a resultados nos Jogos Olímpicos de 2016. O Ministério do Esporte e a Confederação Brasileira de Ginástica (CBG) anunciaram, nesta segunda-feira (4/11/2013), os contemplados com o Bolsa Atleta Pódio, um dos programas do Plano Brasil Medalha. Arthur Zanetti, Diego Hypolito, Sérgio Sasaki e Arthur Nory são os ginastas que estão entre os 20 melhores do ranking mundial e receberão a Bolsa. No total, já são 124 os atletas que integram o programa (27 do judô, 15 do vôlei de praia, 19 do atletismo e 1 do pentatlo moderno). Os valores das bolsas variam de R$ 5 mil a R$ 15 mil. A expectativa do Ministério é investir mais de R$ 1 bilhão até os Jogos do Rio/2016.
“É um apoio não só para mim, mas para todos os atletas olímpicos. E também para servir de objetivo para os atletas que estão surgindo. A cada competição que disputamos, conseguimos bons resultados para o País. Isso ajuda a aumentar a divulgação da ginástica do Brasil”, disse Arthur Zanetti, que na cerimônia de entrega dos certificados, realizada no Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa, em São Paulo, agradeceu pelo apoio, em nome dos ginastas.
“Acho que temos uma tarefa, junto com as confederações, as Prefeituras e o Estado, de aproveitar esse momento. Não temos mais só um Guga. Hoje já temos alguns atletas, mas isso não pode ser efêmero. Então, temos de ter muito cuidado, ter certeza de que precisamos melhorar, crescer, para criar essa visão de futuro. Parabéns aos que vão ganhar essa Bolsa Pódio e espero que ajude todos vocês”, disse Ricardo Leyser, secretário de Esporte de Alto Rendimento do Ministério do Esporte.
“Sentimos enorme alegria pela integração entre o Ministério, o COB, as estatais, como a Caixa, e patrocinadores, como a Sadia, por acreditar e investir na ginástica brasileira”, disse a presidente da CBG, Luciene Resende.
“Essa Bolsa que criamos no Governo Federal, um investimento dentro do Plano Brasil Medalhas, surgiu de conversa com a presidente Dilma sobre a necessidade de o Brasil, como País anfitrião, buscar um desempenho compatível com a condição de sede”, disse o ministro Aldo Rebelo. “A partir daí, fomos buscar com o COB, as confederações, os clubes como podíamos ajudar. E identificamos a necessidade de dar condições profissionais, com nutricionista, psicólogo, fisioterapeuta, equipamentos etc”, acrescentou. “O dinheiro é da nossa população e o que queremos é dar aos nossos atletas o apoio do nosso povo para competirem com dignidade, se concentrarem no que é mais importante. O nosso atleta projeta a imagem do País que queremos. Então, que tenha eficiência, seja competitivo, tenha dignidade quando perde, humildade quando ganha, que o esforço e a disciplina sejam reconhecidos. Muito boa sorte!”
Arthur Zanetti é atleta da SERC/Agith/São Caetano, tem patrocínio da Sadia, Furnas, adidas e CAIXA e apoio do COB, CBG e Bolsa Atleta/Ministério do Esporte.

dscn5559