O campeão olímpico e mundial disse que será importante para os ginastas brasileiros conhecerem o cenário alemão da competição – a disputa por equipe no masculino começa dia 6

349265_837200_arthur_zanetti__bra___wch_doha_2018__oct26_6

 

São Caetano do Sul – O ginasta Arthur Zanetti entra pela primeira vez desde que chegou a Alemanha no ginásio Hanns-Martim-Schleyer-Halle, onde serão realizadas as competições do 49º Mundial de Ginástica Artística de Stuttgart. A seleção brasileira fará o treino de pódio nesta quarta-feira, dia 2 de outubro, na segunda sessão do dia.

O Brasil competirá na subdivisão 4 na disputa por equipes, o que Arthur Zanetti considera bom porque “já vamos saber como está atuando a arbitragem e não fica aquela ansiedade porque competimos no primeiro dia”.

Esta edição do Mundial é muito importante por ser pré-olímpica. Os nove primeiros colocados por equipe asseguram vagas para os Jogos Olímpicos de Tóquio 2020. A seleção masculina de ginástica artística teve um grupo completo numa Olimpíada pela primeira vez no Rio/2016.

O treino de pódio será o primeiro contato da seleção com o cenário do Mundial – a qualificação por equipe masculina está marcada para o dia 6 de outubro, domingo. “Vamos observar a aparelhagem, a iluminação, a temperatura do ginásio, o ambiente… é uma adaptação. Importante para não chegar direto na competição”, comentou Arthur Zanetti, que disputará o nono Mundial de sua carreira desde 2007 – o primeiro deles foi justamente em Stuttgart.

“O meu primeiro Mundial foi em 2007, aqui nesse mesmo ginásio e posso dizer que está igual, lindo, perfeito, limpo, bem conservado, com estrutura fantástica e eles (os alemães) são muito organizados e atenciosos”, avaliou o campeão olímpico (Londres/2012), dono de quatro medalhas em Mundiais, o ouro no Mundial de Antuérpia (BEL)/2013, e três de prata ganhas nos Mundiais de Doha (CAT)/2018, Nanning (CHN)/2014 e Tóquio/2011.

Arthur, que também tem a prata nos Jogos do Rio/2016 nas argolas, já está fora de casa desde o dia 11 de setembro. Participou de camping de treinamento no Rio de janeiro, viajou dia 23 e integrou mais um treino já na Alemanha, em Schwäbisch Gmünd, que fica a uma hora de carro até Sttutgart.

“A preparação aqui na Alemanha foi muito boa, uma cidade bem tranquila, com um ginásio muito bom. Foi pouco tempo, mas a gente conseguiu se adaptar ao fuso e voltar a forma – avião, viagem… Conseguimos voltar a forma e todo mundo se preparou muito bem”, disse Arthur Zanetti que vai disputar o seu nono Mundial na carreira.

“Estou me sentindo bem e com a cabeça boa, a seleção também está bem, todo mundo unido com o mesmo foco, o mesmo objetivo, todo mundo trabalhando bem duro e se dedicando o máximo em cada treino”, avaliou Arthur.

Arthur Zanetti é atleta da SERC/São Caetano, tem patrocínio da adidas, Caixa, FAB e Bolsa Atleta do Governo Federal.

Saiba mais: www.facebook.com/ArthurZanettiOficial e https://instagram.com/arthurzanetti.

Siga a Contrapé no blog contrapedejornalismo.wordpress.com, em facebook.com/contrapedejornalismo e em instagram.com/contrape_informacao