O campeão olímpico e mundial nas argolas defende título e poderá testar série no solo bem como um novo salto, aparelhos que vem treinando para ajudar a seleção

São Caetano do Sul – O ginasta Arthur Zanetti, campeão olímpico e mundial, estreia na temporada 2014 nos X Jogos Sul-Americanos de Santiago, no Chile – a ginástica artística será disputada de 8 a 11, no Ginásio Poliesportivo Estádio Nacional. Arthur e seus colegas Francisco Barreto e Lucas Bitencourt, todos da SERC/Santa Maria/Agith, de São Caetano do Sul, integram a seleção brasileira que desembarca nesta terça-feira (4/3), tarde da noite, em Santiago. Os ginastas treinaram no carnaval e para Arthur, além de defender o título nas argolas ganho nos Jogos de Medellín (COL), em 2010, o objetivo é fazer boas apresentações no solo e no salto. Arthur, inclusive, se ficar confirmado por seu técnico, Marcos Goto, poderá testar uma nova apresentação no solo.

Arthur Zanetti faz sua primeira competição de 2014 no Chile

Arthur Zanetti faz sua primeira competição de 2014 no Chile

Arthur Zanetti desfilou ao lado da ginasta Daiane dos Santos e da jogadora de vôlei Fofão, campeã olímpica como ele, na Rosas de Ouro, mas não ficou no Sambódromo de São Paulo para assistir aos demais desfiles do primeiro dia de carnaval. Foi descansar porque segunda-feira e terça-feira de carnaval foram dias normais de treinos para os ginastas da SERC/Santa Maria/Agith, sob o comando de Marcos Goto. A seleção tem embarque previsto para Santiago nesta terça-feira (4/3) à noite.

“Quero ganhar nas argolas, mas estou mais preocupado com as minhas apresentações no solo e no salto, os outros aparelhos que eu vou fazer também. Nas argolas, a gente sabe que se acontecer alguma coisa dá para consertar. Gostaria de testar a minha nova série no solo e o meu novo salto também. Para mim, são dois grandes objetivos neste Sul-Americano fazer boas apresentações no solo e salto”, disse Arthur, esclarecendo que será da comissão técnica a última palavra sobre as séries que apresentará.

De olho no Mundial, a prioridade

O técnico Marcos Goto explica que os Jogos Sul-Americanos e mais algumas competições do calendário servirão de testes – a comissão técnica da Confederação Brasileira de Ginástica procura a melhor formação para a seleção que vai ao Mundial de Nanning, na China, em outubro.

“Os Jogos Sul-Americanos são preparatórios para as próximas competições em equipe da seleção visando ao Campeonato Mundial. O objetivo é testar os melhores ginastas no momento. Depois ainda teremos um meeting no Brasil, provavelmente em Santos, e o Pan-Americano de Ginástica Artística de Mississauga, no Canadá, que é também pré-Pan (de 10/8 a 1/9, classificatório para os Jogos Pan-Americanos de 2015) antes do Mundial. Vamos testar a configuração da equipe”, acentuou Marcos Goto.

O técnico campeão olímpico e mundial ressaltou que no caso de Arthur Zanetti trabalhar bem o solo e o salto faz parte do plano de ajudar a seleção brasileira a somar mais pontos, a se colocar melhor no cenário internacional. Individualmente, o aparelho forte de Arthur continua sendo as argolas – o ginasta venceu todas as competições que disputou no aparelho em 2013, inclusive o Mundial de Antuérpia e a Universíade de Kazã.

Arthur Zanetti é atleta da SERC/Agith/São Caetano, tem patrocínio da Sadia, Furnas, adidas e CAIXA e apoio do COB, CBG e Bolsa Atleta/Ministério do Esporte.

Siga Arthur Zanetti no www.facebook.com/ArthurZanettiOficial