O campeão olímpico e mundial nas argolas levou ouro no aparelho e ajudou os companheiros da Agith/SERC/Santa Maria a conquistar mais um título para a cidade em Osasco                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                                              

Comemoração no pódio: São Caetano, campeão, São Bernardo, segundo colocado

Comemoração no pódio: São Caetano, campeão, São Bernardo, segundo colocado

Osasco – O ginasta Arthur Zanetti, campeão olímpico e mundial, conquistou a medalha de ouro nas argolas no 58º Jogos Regionais de Osasco, no ginásio Ayrton Senna da Silva e ajudou São Caetano do Sul a conquistar o 15º da competição com a ginástica artística masculina. Arthur, que competiu pela Agith/SERC/Santa Maria, confirmou o seu favoritismo e venceu as argolas com facilidade, com 15.650 (optou por uma série mais simples, cuja nota de partida era 15.700). A medalha de prata ficou com o seu companheiro na equipe de São Caetano do Sul, Henrique Flores, e Caio Costa, de Santos, levou a medalha de prata.

“Não fiz minha série oficial, mas gostei. Parti de 15.7 e tive alguns descontos. A nota – 15.650 – era a que eu esperava mesmo e com essa aparelhagem não seria possível fazer diferente”, afirmou Arthur.

Apesar do clima de Copa e da pouca visibilidade para outros esportes, ainda mais em competições menores, as arquibancadas estavam lotadas nos dois dias de competições (19 e 20/6), por pais, familiares e ginastas. “Esse tipo de Jogos é bacana porque tem gente nas arquibancadas, muitas famílias de ginastas, pessoas querendo ver a gente. Nossa presença, a minha e de outros atletas da seleção, acaba sendo um incentivo e uma forma de divulgação da ginástica”, afirmou Arthur Zanetti, que também fez saltos e solo, mas não foi bem por causa de quedas nos dois aparelhos.

Mas o ouro nas argolas ajudou São Caetano do Sul a vencer a competição na ginástica masculina, com 329.470 pontos, seguido por São Bernardo do Campo (318.040) e Santos (305.450). “Fizemos a nossa parte na defesa da cidade nos Jogos Regionais”, afirmou o técnico Marcos Goto, feliz com o resultado geral e a boa participação de Arthur Zanetti – tem uma parceria de quase 16 anos com o campeão olímpico e mundial.

Além de Arthur, Marcos – que dividiu o trabalho com o técnico Hugo – também destacou a boa participação de Henrique Flores, campeão no individual geral (83.850) – o pódio ainda teve Lucas Bittencourt, com a prata (81.420) para São Caetano. Henrique Flores levou outro ouro, na barra fixa (13.400). Ginasta que também foi destaque no grupo, Hudson Miguel venceu no cavalo com alças (14.000).A ginástica feminina da Agith/SERC/Santa Maria, comandada pelos técnicos Marcos e Marcelo, foi vice-campeã, com destaque para Isabella Galvão, que ganhou bronze na trave e prata no solo. 

As medalhas de São Caetano na ginástica artística masculina

Barras Paralelas – Caio Costa (14.250 – Santos); Henrique Flores (13.950 – SCS);Hudson Miguel (13.800 – SCS) e Diego Hypólito (13.800 – SBC)

Argolas – Arthur Zanetti (15.650 – SCS); Henrique Flores (15.400 – SCS); Hudson Miguel (13.765 – SCS)

Saltos – Diego Hypólito (14.450 – SBC); Vitor Camargo (14.300 – Santos); Hudson Muguel (13.765 – SCS)

Barra – Henrique Flores (13.400 – SCS); Diego Hypólito (13.100 – SBC); Bernardo Miranda (12.950 – SBC)

Solo – Caio Costa (14.200 – Santos); Diego Hypólito (13.750 – SBC); Hudson Miguel (13.600 – SCS)

Cavalo com alças – Hudson Miguel (14.000 – SCS); Lucas Bittencourt (13.950 – SCS); Henrique Flores (13.400 – SCS) e Leonardo Souza (13.400 – SBC)

Individual geral – Henrique Flores (83.850 – SCS); Lucas Bittencourt (81.420 – SCS); Caio Costa (81.400 – Santos)

Ginástica masculina – São Caetano do Sul – campeão, com 329.470 pontos; São Bernardo do Campo – segundo colocado, com 318.040 pontos; Santos – terceiro colocado, com 305.450 pontos

Arthur Zanetti é atleta da SERC/Agith/São Caetano, tem patrocínio da Sadia, Furnas, adidas e CAIXA e apoio da Spieth, Eurotramp, COB, CBG e Bolsa Atleta/Ministério do Esporte.